NET ADESIVOS

Fremplast
Model: FTV233.00
Product ID: 3273
Product SKU: 3273
New In stock />
FOTO EMULSÃO B+S VERDE - RESISTENTE A AGUA - 250 GR
Código: 3273
SERIGRAFIA

FOTO EMULSÃO B+S VERDE - RESISTENTE A AGUA - 250 GR

Lançamento

Marca: FremplastModelo:FTV233.00


De R$ 16,24
Por:
R$ 11,37
Economize  R$ 4,87

R$ 10,80 à vista com desconto Boleto - Yapay
 
Simulador de Frete
- Simulador de Frete

INDICAÇÃO:
Excelente resistência à abrasão e a tintas à base de água ou solventes fracos como, por exemplo, aguarrás. Sensibilizável com Bicromato pode ser utilizada com todos os tipos de lâmpadas. Econômica.

PREPARAÇÃO DA MATRIZ:

APLICAÇÃO NA TELA:

Preparação do tecido:
O tecido deve estar completamente limpo, livre de pó, gordura, graxa, resíduos de tintas e de emulsões. A limpeza é indispensável para se conseguir uma perfeita adesão da emulsão nos fios do tecido, melhor uniformidade da camada aplicada, evitar furos e manchas e, consequentemente, aumentar a vida útil da matriz.
Limpar o tecido com o Desengraxante LAVGEL Molhar o tecido da matriz e aplicar o Desengraxante, esfregando suavemente sobre toda a superfície, em ambos os lados do tecido. Enxaguar com água corrente até a eliminação total do produto.

Sensibilização de emulsão com Bicromato:
Devido às propriedades do Bicromato, calcular e preparar a quantidade de emulsão será utilizado em um período máximo de 3 a 4 dias. Adicionar à emulsão na proporção de 10{fdf3d684d8589e3ecb7b027a5b3f5221c310231e5b18835cabd5517f4392ef41} para cada parte de emulsão (em ml). Mexer bem. Deixar descansar por duas horas com a tampa entreaberta para eliminação de bolhas de ar.

Aplicação na tela:
Recomendamos sempre utilizar um aplicador que cubra a largura total da tela. Não utilizar um aplicador pequeno para dar várias passado lado a lado, pois irá formar camada sem uniformidade. Aplicar a emulsão com a tela em pé, um pouco inclinada. Aplicar sempre 1 a 2 demãos no lado externo e sem secar, 2 demãos pelo lado interno. (Lado onde se passa o rodo de impressão). Após a secagem, se for necessário melhorar a planeidade ou espessar a camada fotográfica, podem ser aplicadas demãos adicionais.

SECAGEM:
Deixar secar sempre na posição deitada, com o lado interno (onde se passa o rodo) para cima. O tempo de secagem é relativo a abertura do tecido, o tipo de emulsão e camada que foi aplicada. A estufa de secagem deve ter entrada de ar quente, com saída de ar. Para as emulsões sensibilizadas com Bicromato a temperatura não deve passar dos 40 graus C. Se não possuir uma estufa, deixar secar naturalmente em lugar seco, escuro e livre de poeira. Cuidado para não jogar poeira na tela caso queira usar um ventilador. Cuidado com uso de Soprador Térmico pois o uso do mesmo provoca o início da ação do sensibilizante. Para matrizes com tecidos abertos e camadas espessas, deixar secar por períodos maiores para garantir a total evaporação da água. No caso de emulsões sensibilizadas com Bicromato, expor e revelar a matriz logo que a camada esteja seca, pois após algumas horas a emulsão estará total ou parcialmente endurecida, mesmo não tendo sido exposta à luz.
EXPOSIÇÃO:
A perfeita reprodução da imagem depende de alguns fatores:

– Positivo: 
As áreas escuras devem estar bem intensas para bloquearem completamente a passagem de luz. As demais áreas devem ser limpas, transparentes e livres de pó. Fotolitos leitosos ou papel vegetal não são indicados em trabalhos de precisão e reticula. Um mau contato entre o Positivo e a tela emulsionada irá causar infiltração de luz e assim ocasionando perda de resolução. O ideal é utilizar uma mesa a vácuo.

-Fonte de Luz: 
Para emulsões sensibilizadas com Diazo é necessária uma fonte rica em raios ultravioleta. (Lâmpadas alógenas, ou vapor de mercúrio) e de preferência que seja de fonte luz única, pois as lâmpadas fluorescentes (tubulares) produzem luz difusa sem foco que não é ideal para detalhes finos.

-Tempo de exposição:
A exposição correta é muito importante para obtenção de uma ótima resolução, definição e vida útil da matriz.
Tecidos amarelos e telas com relevo necessitam de uma exposição mais longa.
Se o tempo de exposição for insuficiente o lado interno da tela não estará completamente endurecida se soltará durante a revelação (jato de água). Quando o tempo for demasiado haverá perda de detalhes finos e pequenos.
O tempo correto de exposição depende de vários fatores (distância da lâmpada em relação à tela, vida útil da lâmpada, potência da lâmpada, tipo de emulsão, tempo de secagem, entre outros). Utilizar o controlador de tempo Fotograv para controle deste parâmetro.

REVELAÇÃO:
Colocar a tela numa pia e pulverizar suavemente os dois lados. Após 1 a 2 minutos a pressão pode ser aumentada um pouco. Utilize um bico de revelação que forme um leque de gotículas tipo pulverização se for utilizar a WAP use em forma de leque reservando uma distância. Continuar até que todas as partes da imagem fiquem claras e nítidas. Para telas de relevo deixar de molho durante pelo menos 30 minutos antes de começar a revelação.

SECAGEM FINAL E RETOQUES:
Secar com ajuda de ar quente. Algumas manchas ou pontos escuros, geralmente causados por poeiras ou manchas sobre o positivo, devem ser retocadas com nossos bloqueadores Solv ou Acqua (vide boletim técnico). A tela estará pronta para impressão.

ARMAZENAGEM:
Armazenar em local fresco e ventilado.

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características